10 de julho de 2016

Novo parceiro do blog: Paulo de Castro

Olá, pessoal! Hoje venho, com muita alegria, mostrar para vocês mais um parceiro do blog, com sua respectiva obra. Muito obrigada pela confiança, Paulo!


 Paulo de Castro Gonçalves nasceu em 21 de outubro de 1981, natural de Belo Horizonte, Minas Gerais. Filho de pai fotógrafo e mãe dona de casa, tem apenas um irmão. Formou-se em Biblioteconomia pela Universidade Federal de Minas Gerais em junho de 2006. Em fevereiro de 2009, tornou-se funcionário público, ingressando na Biblioteca Camilo Prates, da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, onde atualmente exerce o cargo de bibliotecário. O Androide é a sua primeira incursão no mundo dos romances.


Título: O Androide
Autor (a): Paulo de Castro
Editora: Novos Talentos da Literatura Brasileira
N° de páginas: 256

✏ Sinopse: "Percebeu que se, de fato, um Deus que zela pelos humanos existisse, não designaria uma máquina para ser o profeta. Esse Deus, ora cruel, ora misericordioso, nem ao menos permitiria a própria extinção dos seres humanos. Poderia a máquina ser esse Deus, dando vida de novo aos homens?". Esse e outros sinais elétricos varriam o pro­cessador de JPC-7938 com velocidade sobre-humana. Processava uma infinidade de outras informações ao mesmo tempo, o que diminuía ainda mais a energia da sua bateria. Talvez era isso mesmo que ele quisesse, para consumar de uma vez o que já estava fadado ao fracasso. Sua bateria durou quatro horas até o desligamento completo. Nessas intermináveis horas, em que não via nada além da densa neblina, que ofuscava o céu azul, cercado de nuvens brancas, percebeu que tudo não passava de coincidência. Que o planeta fora criado, de fato, ao acaso, e que não havia um destino ou uma missão a ser cumprida; apenas a existência, até o inevitável dia do fim."





Acompanhe o blog:
FACEBOOK  INSTAGRAM  TWITTER 
Contato: minhasecretapoesia@gmail.com

2 comentários:

  1. Eu assisti a resenha da Tatiana Feltrin desse livro e ela fez uma ótima recomendação, eu fiquei muito interessada em ler esse livro, embora eu não tenha muitas leituras em ficção científica. Mas é um gênero literário que me chama demais a atenção, além da curiosidade de ser escrito por um autor nacional.

    Beijinhos, Hel - Leituras & Gatices

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Helena! Vale muito a pena a leitura. O Paulo fez um ótimo trabalho nesse livro :) <3
      Beijinhos

      Excluir