25 de fevereiro de 2017

Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban, de J. K. Rowling

Título: Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban
Autor: J. K. Rowling
Editora: Rocco
N° de páginas: 318
Classificação:★ + 


✏ Sinopse: Durante 12 longos anos, a assustadora fortaleza de Azkaban manteve prisioneiro o bruxo Sirius Black. Condenado pelo assassinato de 13 pessoas com um só feitiço, alguns acreditam que Black seja o mais fiel dos seguidores d'Aquele-Que-Não-Deve-Ser-Nomeado. Agora ele fugiu da prisão. E os guardas da prisão disseram que Black andara repetindo a seguinte frase durante o sono "Ele está em Hogwarts... ele está em Hogwarts." Será que o perigoso bruxo esta vindo atras de Harry? Seja como for, Harry não está seguro, nem mesmo dentro de sua escola de magia, cercado por seus amigos. Principalmente porque, para piorar as coisas, pode haver um traidor entre as pessoas que o cercam.

"ISTO...TEM...DEDO...DO...POTTER!"


Mais um aniversário se passou na rua dos Alfeneiros e Harry, como sempre, não está nada feliz na presença dos tios. Após a infeliz visita de tia Guida e um acidente com magia (que poderia expulsá-lo de Hogwarts), Potter foge com suas coisas para as ruas, sem destino, decidido a sair da vida dos Dursley. Acontece que é surpreendido pelo Nôitibus Andante, um transporte para bruxos perdidos, que o leva a Londres, onde fica hospedado no Caldeirão Furado.

Após uma conversa com o Ministro da Magia, descobriu que não fora expulso e poderia voltar normalmente à querida escola. Mas para sua infelicidade, o perigoso Sirius Black fugira da prisão de Azkaban e, após a chegada a Hogwarts, dementadores (guardas da prisão que tendem a sugar a sua felicidade e até dar um beijo que nem de longe alguém iria querer) são convocados para proteger o castelo. Ele havia presenciado a entrada de um deles no Expresso Hogwarts e se vira muito afetado pela criatura medonha. O ano letivo reservaria para ele muita aventura, determinação e difíceis escolhas. 

Nesse terceiro livro temos ação, tensão pela fuga do prisioneiro, muitas descobertas e uma grande prova de que a amizade entre Harry, Rony e Hermione é mais do que verdadeira - e é um exemplo!

Durante a leitura estava lendo algumas partes (já aflita) e de repente coisas foram reveladas e fiquei boquiaberta, momentaneamente sem entender. Mas foi só forçar um pouco a memória e ver que tudo se encaixava, fatos que ocorreram bem antes e os apresentados unidos como uma teia. É maravilhosa a escrita dessa mulher!

Hermione me representou em várias partes do livro (gostou, Malfoy?). Os personagens estão ainda mais apaixonantes; Lupin foi um professor que amei e espero que ele marque presença nos outros livros também 💙 Ah, não podemos esquecer Sirius 💙💙💙 E o que falar das partes que os pais de Harry são citados? Achei emocionante.

Mais uma citação amor de Dumbledore: "O seu pai vive em você, Harry, e se revela mais claramente quando você precisa dele." 😢 

Foi uma mistura de emoções. Com um mesmo livro me senti alegre, triste, com raiva, aliviada e emocionada. É difícil uma série ter os primeiros livros TÃO bons quanto foram esses de HP pra mim. Assim como o primeiro e segundo, precisei favoritar Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban. 

ACOMPANHE O BLOG
FACEBOOK  INSTAGRAM  TWITTER 
Contato: minhasecretapoesia@gmail.com
Obrigada por tudo, pessoal!
Beijos 

Nenhum comentário:

Postar um comentário